Al, o camelo

De RuneScape Wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Al, o camelo cabeça.png

Al, o camelo é um camelo que fica vagando ao redor do banco de Al-Kharid.

Jogadores podem falar com ele enquanto usam um camuleto. Você pode obter estrume com ele enquanto não estiver fazendo a missão A Rixa. Para isso, fale com ele fora do banco de Al-Kharid enquanto usa um camuleto e escolha a opção de perguntar a ele sobre o estrume e eventualmente, depois de falar com ele por um tempo, o estrume irá aparecer no chão. Use um balde no estrume para coletá-lo para a sua mochila.

Ele não é atacável.

Se você clicar na opção para falar com ele, sem estar usando o camuleto, e escolher a opção de dizer alguma coisa desagradável, seu personagem irá dizer: "Se eu chegar perto do camelo, provavelmente ele vai morder a minha mão". Depois de clicar em continuar, a seguinte mensagem aparecerá no seu bate-papo: O camelo cospe em você, e você pula depressa para trás.

Seu personagem também pode dizer, "Fico imaginando se aquele camelo tem pulgas...", ou "Humm... Parece que aquele camelo daria um bom churrasquinho." E a mensagem que aparece no bate-papo também pode variar e aparecer como: O camelo tenta pisar no seu pé, mas você o tira rapidamente., ou como: O camelo gira a cabeça e olha para você.

Se você estiver usando um camuleto e escolher esta mesma opção de dizer algo desagradável, Al, o camelo irá confessar que está apaixonado por Elly, o camelo e ele irá se oferecer para recitar um poema. Seus dois poemas são intitulados de "Devo comparar-te com um Dia de Deserto" e "Isto é só pra dizer", que são paródias de William Shakespeare e William Carlos Williams respecticamente.

Devo comparar-te com um Dia de Deserto?
Tu és mais seca e tua pele é mais áspera;
Duras tempestades de areia sacodem os cactos
O calor do verão retarda os ventos do outono;
Às vezes quente demais, o olho do céu brilha,
Como a aparência do ouro de Guthix muitas vezes apagado;
E cada justo da justiça declina,
Por acaso ou pelas desguarnecidas mudanças do caminhos do deserto;
Mas vosso deserto eterno não deve enfraquecer
Ou perder a areia que possui;
Nem Zamorak pode vangloriar-se de que tu estás na suas sombras,
Quando as marcas eternas de areia tu crescerás;
Enquanto viverem os camelos e os olhos puderem ver,
Enquanto isto viver, e der vida a ti.
 
— Al, Devo comparar-te com um Dia de Deserto
Isto é só pra dizer

que eu comi
os cactos
que estavam
no oásis;

e que
você provavelmente estava
guardando
para o almoço;

Desculpe-me,
eles estavam deliciosos,
tão crocantes
e tão frios.
[Al compôs este poema quando acidentalmente comeu os cactos de Elly]
 
— Al, Isto é só pra dizer

[editar | editar código-fonte]

Histórico de atualizações[editar | editar código-fonte]

O projeto do histórico de atualizações é um trabalho em andamento. Para mais informações clique aqui.
atualização 24 de outubro de 2005 (Atualização desconhecida):
  • Adicionado ao jogo.

  • Predefinição:Camelos Predefinição:Al-Kharid