Aura, Aura, Aura!

De RuneScape Wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Aura Aura Aura!
Ícone padrão de conquista.png
Desbloquear as auras listadas na loja da Guerra.
Inglês Aura Aura Aura!
Membros Sim
Lançamento 27 de janeiro de 2020  (Notícia)
Categoria Combate
Subcategoria Central de PvM
Runepontos Runepontos ícone.png 30
Requisitos

Aura Aura Aura! é uma conquista que requer que o jogador desbloqueie todas as auras disponíveis no Retiro de Guerra. Isso requer 92.500 Marcas da Guerra.

Desbloqueio/objeto Marcos da Guerra.png Marcos da Guerra Descrição
Aura do Vampirismo.png Aura do Vampirismo 5.000 Ganhe pontos vitais iguais a 5% de qualquer dano que causar
Aura Magia Negra.png Aura Magia Negra 12.500 Ao atacar, você tem a chance de causar um dano corruptor ao oponente.
Aura Ira Insana.png Aura Ira Insana 25.000 Entra num estado de fúria que aumenta sua Força e seu Ataque, em detrimento da sua defesa. Não funciona na Terra Selvagem.
Aura Incauta.png Aura Incauta 25.000 Entra num estado de fúria que aumenta seu Combate a Distância, em detrimento da sua defesa. Não funciona na Terra Selvagem.
Aura Maníaca.png Aura Maníaca 25.000 Entra num estado de fúria que aumenta sua Magia, em detrimento da sua defesa. Não funciona na Terra Selvagem.

Histórico de atualizações[editar | editar código-fonte]

O projeto do histórico de atualizações é um trabalho em andamento. Para mais informações clique aqui.
correção 20 de julho de 2020 (Atualização):
  • Algumas das outras conquistas no Retiro da Guerra foram reorganizadas e passaram por diversos ajustes no RuneScore, mas a quantidade total de pontos obtidos com essas conquistas permaneceu a mesma.
    atualização 27 de janeiro de 2020 (Atualização):
  • Adicionado ao jogo.

  • Curiosidades[editar | editar código-fonte]

    • O nome dessa conquista é uma referência a JoJo's Bizarre Adventure, particularmente ao som de batalha do Star Platinum, "Ora Ora Ora".[1]

    Referências

    1. Mod Errol. Conta do Twitter do Mod Errol. 27 de janeiro de 2020. (Arquivado do original em 27 de janeiro de 2020.)*