Fome

De RuneScape Wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Fome
Fome.png
Uma aviansie reservada, ela mantém distância do seu bando.
Inglês Famine
Membros Jogadores gratuitos Não
Lançamento 8 de outubro de 2018
Raça Aviansie
Gênero Feminino
Vende Não
De Missão Não
Localização
Fome cabeça.png

A Fome é o terceiro cavaleiro do apocalipse e um dos fundadores da Fortaleza dos Cavaleiros (do Halloween 2011). Ela foi mencionada pela primeira vez no evento de 2011 e apareceu em 2018.

Sendo uma aviansie, ela nasceu e cresceu em Abbinah, o planeta natal da raça. A Fome é uma necrófaga, tal "profissão" é rejeitada pelos aviansie, então ela foi expulsa de sua tribo e deixada para morrer. Ao passar do tempo, ela foi ficando fraca e incapaz de voar ou caçar. Sua fome a deixou a beira da morte, e segundo o que ela mesma diz, sua sede de vingança a mantinha viva entre o limiar. Eventualmente, ela encontrou uma carga de comida e a envenenou completamente, o que resultou na morte de toda a vila próxima. Como consequência, a Fome não pegou nada do carregamento de comida para si mesma, acreditando que ela merecia de fato a morte.

O Ceifador a descreve como nobre por natureza, e que prefere achar seu próprio caminho na vida. A Fome considera os outros cavaleiros do apocalipse como sua família, e o Ceifador também compartilha esse sentimento. Entretanto, por ser solitária, ela raramente se encontra com seus parceiros, e essa falta de contato constante a deixou com saudades de seus companheiros. A Fome gosta particularmente da Guerra devido a sua personalidade.

A partir do lançamento de Arqueologia, a Fome pode ser encontrada no sítio de escavação Fortaleza de Tempéstia.

A Fome também participou ativamente do Evento de Halloween 2020, convidada pelo Ceifador e com uma minimissão própria, na qual o jogador a ajudava a entender porquê sua praga não estava funcionando corretamente em batateiros experimentais.

Evento de Halloween 2020[editar | editar código-fonte]

Artigo principal: Evento de Halloween 2020

Neste ano, a Fome foi convidada pelo Ceifador para sua celebração anual de Halloween. A Fome esteve criando uma praga e experimentando em batateiros, mas por algum motivo sua praga não estava funcionando da forma adequada em todos os canteiros experimentais no Pântano de Lumbridge; o Ceifador então recomendou ao jogador que fosse averiguar, o que deu início a uma das quatro minimissões do evento deste ano.

Até Que a Morte Nos Separe[editar | editar código-fonte]

Artigo principal: Evento de Halloween
Ceifador convoca sua amiga Fome.

Em 2018, o Ceifador convocou a Fome para ajuda-lo - junto à Guerra - a ligar com uma fenda caótica na segunda semana do Evento de Halloween daquele ano. A Fome ficou feliz em ter uma chance de reencontrar seus companheiros, e viu essa convocação como algo que não pôde recusar. Ela ajudou na batalha para destruir a fenda emprestando parte de seu poder para os jogadores.




Desencontro do Ceifador[editar | editar código-fonte]

Artigo principal: Desencontro do Ceifador

Em 2011, os jogadores investigaram os gostos e paixões da Fome, e com isso construíram uma estátua para ela na Fortaleza dos Cavaleiros. A Fome pediu para que sua estátua não fosse colocada perto da estátua da Peste, pois ela achava que os humanos sempre se confundiam quando falavam da Fome e da Peste.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Arte conceitual da Fome.
  • No Evento de Halloween 2011 a Fome era citada usando pronomes masculinos, talvez porque naquela época o personagem ainda não existisse em forma conceitual, não fosse modelado e nem teve sua história completamente desenvolvida até então.
  • A Fortaleza da Segurança possui quatro andares, nas quais todos remetem aos cavaleiros do apocalipse; no caso da Fome, seria o andar da Penúria.
  • Usar o orbe luminoso estranho (vermelho) ou orbe luminoso estranho (vibrante) resulta no diálogo da Fome dizendo que ela sabe da existência de Mazcab.
  • Usar inúmeros tipos de comida cozida nela fazia com que tal comida ficasse podre, com a fome dizendo "Bem, o que você esperava que acontecesse?"