Transcrição de Resenha de um crítico (artigo 2)

De RuneScape Wiki
Ir para: navegação, pesquisa

Resenha de um crítico 2

Mais uma apresentação sem brilho da Guilda dos Atores de Senntisten. Desta vez, eles assassinaram brutalmente uma versão da história de amor clássica Cressilius e Troida , a trágica história de um demônio chthoniano loucamente apaixonado por um demônio avêrnico. O conto é uma linda história atemporal de romance lutando contra as duras restrições de classe e tradição. Ou pelo menos seria, caso fosse interpretado por qualquer outra trupe.

O papel principal de Cressilius é interpretado, por alguma razão, pelo mais jovem da trupe, Cassius Holter. O jovem Cassius pode até ser um bom ator, porém ele precisa de tempo para amadurecer e mais experiência para compreender a nuance da aflição do demônio chthoniano. O vigor de sua juventude talvez fosse melhor aproveitado no papel de um soldado, ou talvez um interesse amoroso secundário qualquer. Porém no papel de Cressilius é praticamente um insulto. Ainda assim, a verdade terrível é que o jovem Holter é de longe a melhor parte da peça. Infelizmente dai adiante as coisas só pioram.

No papel de Troida - o interesse amoroso trágico do nosso protagonista chthoniano - nós vemos novamente Cassandra Stropp. E mais uma vez ela entrega uma performance sem emoção que faz as estátuas na praça da cidade parecerem atrizes dramáticas de primeira linha. Suas falas são pronunciada com uma precisão mecânica que não pertence ao palco.

Infelizmente não há nada nesta performance que a tornaria digna de uma primeira exibição, muito menos de exibições seguintes. Eu lhes imploro, caros leitores, evitem esta apresentação como se fosse a praga.

0 estrelas.